“Queria homenagear o meu pai, perpetuar o seu nome. Não ia deixar esta terrível doença apagar o seu nome. Por isso a decisão foi automática: o foco iria ser o cancro.
Mas foram sobretudo algumas, poucas, palavras da minha mãe que trouxeram profundidade e sentido ao nosso trabalho: “crianças, vamos apoiar crianças. Se nós estamos a sofrer assim, imaginem quando se tratar de crianças”. Percebi naquele instante que não era um nome que tínhamos de perpetuar, mas sim o ser humano: o homem, com tudo o que de melhor tinha para dar. A coragem com que o meu pai encarava os desafios trouxe-nos a força para nos dedicarmos à oncologia pediátrica.”

Filipe Osório de Castro

PORQUÊ A ONCOLOGIA PEDIÁTRICA?

  • Em Portugal anualmente há cerca de 400 famílias a quem o cancro pediátrico bate à porta.
  • Cerca de 80% destas crianças sobrevive

  • Das que sobrevivem cerca de 2/3 desenvolvem sequelas
  • Ainda é a primeira causa de morte não acidental entre crianças e jovens

Saiba mais

A NOSSA MISSÃO

Informar e esclarecer os pais, as crianças e amigos sobre questões relacionadas com a oncologia pediátrica, para melhor aceitar e viver a doença, e contribuir para o avanço da investigação científica nesta área.

Saiba mais

Qual o destino
do seu donativo

É quem doa quem decide onde quer que a sua contribuição seja aplicada. Em 2019/2020 este foi o destino dos donativos monetários recebidos:

67
22
7
4

Estas são as empresas que já apoiam a FROC! OBRIGADO!

Estas são as empresas que já apoiam a FROC! OBRIGADO!